TAP prepara 2019 em força: abre ligações a Lyon e Munique, recupera Bruxelas, reforça Madrid e Nova Iorque

TP_B

A TAP confirmou esta semana a nova temporada de Verão 2019 a partir do aeroporto do Porto com reforços de peso. A transportadora portuguesa vai soma à lista de destinos diretos Lyon e Munique, recuperar a rota de Bruxelas e reforçar as ligações atuais a Madrid e a Nova Iorque. Para cumprir esse reforço a TAP deverá basear 3 novos aviões no Aeroporto Francisco Sá Carneiro: 1 Airbus 321LR e 2 Embraer 190

Antonoaldo Neves, presidente-executivo da TAP, já tinha avançado estas novidades há alguns meses, mas só agora foram confirmadas oficialmente, estando os horários e os bilhetes já disponíveis.

A lógica, tanto para a escolha das novas rotas como dos reforços, continua a ser a mesma que levou a companhia a recuperar as ligações a Barcelona e Milão Malpensa, bem como a abrir novas a Londres City e a Ponta Delgada: rotas com um volume de passageiros significativo, onde a TAP consegue ter vantagem ou em frequências ou em custos operacionais relativamente à concorrência. A parte operacional parece manter-se também, com os novos voos a serem organizados por forma a captar o passageiro ponto-a-ponto e a escalar o efeito hub.

tp_e190_cs-tpt
Embraer 190 da TAP. Foto tirada por Dn280

Continuar a ler TAP prepara 2019 em força: abre ligações a Lyon e Munique, recupera Bruxelas, reforça Madrid e Nova Iorque

Iberia introduz equipamento próprio na rota de Madrid a partir de Março

IB_B

Em conferência de imprensa organizada ontem no Porto, a Iberia anunciou o regresso com equipamento próprio à rota Porto-Madrid a partir de 25 de Março 2018. A programação indica voos em Airbus 319 com 141 lugares, mais 41 que os Bombardier CRK que a Air Nostrum utiliza atualmente. A maior dimensão dos aviões, aliada à maior eficiência operacional da Iberia permitirão mais espaço para a companhia ser mais agressiva comercialmente, nomeadamente no ponto-a-ponto e nas ligações europeias, estimulando a procura. Por outro lado, a frequência é reduzida de 29 voos semanais para 25. Sendo conservadores e ignorando possíveis trocas de equipamento pontuais, o crescimento no nº de lugares rondará os 22%.

Dentro da rede peninsular da companhia espanhola, a concessão da rota do Porto à Air Nostrum sempre foi uma excepção tendo em conta o elevado volume do mercado. A outra excepcionalidade da operação é a do AFSC ser o maior aeroporto peninsular e o maior mercado sem um night-stop da Iberia. Para se ter uma ideia, o 2º maior mercado sem este serviço seria Faro, que num ano inteiro tem tantos passageiros de/para Madrid como o Porto em 2 semanas, e o 3º seria Badajoz, que gera menos passageiros de/para Madrid num ano que o Porto numa semana. A introdução do serviço night-stop seria, portanto, o seguinte passo lógico.

À maior capacidade de transporte de passageiros, a introdução dos Airbus permite à Iberia transportar carga no porão, algo impossível nos Bombardier da Air Nostrum. Uma lacuna que tem sido preenchida com recurso a aviões cargueiros e aos chamados camiões-avião. No caso dos cargueiros, trata-se de um serviço que opera 4x por semana, com aviões Boeing 757F da DHL que fazem o percurso Londres Heathrow-Madrid-Porto-Londres Heathrow. Já no caso dos camiões, há 3 linhas existentes, uma com origem em Madrid e que alimenta diretamente a rede, e outras duas com origem em Vigo e Lisboa, que alimentam os voos da Iberia (e também da British Airways, no caso de Lisboa) existentes nesses aeroportos. Nada foi anunciado relativamente aos serviços de carga, mas é expectável o fim destes serviços terrestres em detrimento do avião.

Com este aumento, e considerando a programação atual da concorrência, a ligação Porto-Madrid deve ficar entre 650.000 e os 700.000 passageiros em 2018, o que seria suficiente para finalmente consolidar a rota como uma das principais da península e para tomar a liderança destacada das rotas entre o noroeste peninsular e a capital espanhola, tal como aconteceu recentemente com Barcelona e como pode acontecer brevemente com Valência. Casos importantes para demonstrar às companhias aéreas que rotas como Sevilha, Málaga, Alicante ou Bilbau a partir do Noroeste não devem estar mais centralizadas na Galiza, mas devem estar presentes a partir do Porto e provavelmente com uma operação reforçada.

IB_A319_EC-KKS
Airbus 319 da Iberia. Foto tirada por Carlö Dedöni
Porto – Madrid (Air Nostrum / Iberia)
De A Frequência Partida Chegada Nº voo Equipamento
24 Mar. 1 2 3 4 5 6 7 08:05 10:15 IB 8721 Bombardier CRK
24 Mar. 1 2 3 4 5 6 7 12:15 14:25 IB 8727 Bombardier CRK
24 Mar. 1 2 3 4 5 6 7 16:25 18:35 IB 8729 Bombardier CRK
23 Mar. – – 3 4 5 – – 19:55 22:05 IB 8725 Bombardier CRK
26 Mar. 1 2 3 4 5 6 – 08:20 10:30 IB 3091 Airbus 319
25 Mar. 1 2 3 4 5 – 7 12:35 14:45 IB 3093 Airbus 319
25 Mar. 1 2 3 4 5 6 7 16:40 18:50 IB 3095 Airbus 319
25 Mar. 1 2 3 4 5 – 7 20:30 22:40 IB 3097 Airbus 319
Madrid – Porto (Air Nostrum / Iberia)
De A Frequência Partida Chegada Nº voo Equipamento
24 Mar. 1 2 3 4 5 6 7 07:30 07:35 IB 8720 Bombardier CRK
24 Mar. 1 2 3 4 5 6 7 11:40 11:45 IB 8726 Bombardier CRK
24 Mar. 1 2 3 4 5 6 7 15:35 15:40 IB 8722 Bombardier CRK
23 Mar. – – 3 4 5 – – 19:20 19:25 IB 8730 Bombardier CRK
26 Mar. 1 2 3 4 5 6 – 07:30 07:40 IB 3090 Airbus 319
25 Mar. 1 2 3 4 5 – 7 11:45 11:55 IB 3092 Airbus 319
25 Mar. 1 2 3 4 5 6 7 15:50 16:00 IB 3094 Airbus 319
25 Mar. 1 2 3 4 5 – 7 19:40 19:50 IB 3096 Airbus 319

 

_________________________________________________________________

1-Segunda-feira    2-Terça-feira    3-Quarta-feira    4-Quinta-feira    5-Sexta-feira    6-Sábado    7- Domingo

As horas são locais

Air Europa entra na rota de Madrid em Outubro

UX

A companhia espanhola Air Europa será a 4ª a voar regularmente entre o Porto e Madrid. O arranque dos voos está previsto para o dia 6 de Outubro, com nada menos que 24 frequências semanais, operadas com aviões Embraer 145 de 50 lugares. A partir de Dezembro, 3 dessas 24 frequências passam a ser operadas com equipamento Embraer 195 de 122 lugares. Uma entrada que sendo muito forte, está em linha com o que a companhia tem feito nos últimos anos noutros aeroportos da península ibérica.

A transportadora já estava de olho nesta rota há algum tempo, no entanto, o mercado não apresentava as boas condições que apresenta hoje e a companhia optou por proteger os voos que operava em Vigo e não avançar. Até agora.

Aproveitando a complicada situação da Iberia nos últimos anos e uma base de custos significativamente mais baixa, a Air Europa tem apostado para construir uma ponte alternativa entre Madrid e as Américas, contando com uma rede de 18 destinos intercontinentais, uma forte presença no mercado doméstico espanhol e mais de 50 aviões em encomenda, entre os quais 16 Boeing 789. Como membro da SkyTeam, permite ainda ligações em Madrid com outras 10 companhias da aliança como a AeroMexico, Korean Air ou Saudia.

UX_E145_EC-KSS
Embraer 145 com as cores da Privilege Style e o sticker da Air Europa. Foto cedida pelo blog skiespassion

Porto – Madrid (Air Europa)

De A Frequência Partida Chegada Nº voo Equipamento
06 Out. 1 2 3 4 5 6 7 07:30 09:40 UX 1148 Embraer 145
06 Out. 03 Dez. 1 2 3 4 5 – – 11:10 13:20 UX 1146 Embraer 145
04 Dez. – – – 4 – – – 11:10 13:20 UX 1146 Embraer 195
05 Dez. 1 2 3 – 5 – – 11:10 13:20 UX 1146 Embraer 145
06 Out. 03 Dez. 1 2 3 4 5 6 7 15:30 17:40 UX 1144 Embraer 145
04 Dez. – – – 4 – – 7 15:30 17:40 UX 1144 Embraer 195
05 Dez. 1 2 3 – 5 6 – 15:30 17:40 UX 1144 Embraer 145
06 Out. 1 2 3 4 5 – – 19:10 21:20 UX 1142 Embraer 145

Madrid – Porto (Air Europa)

De A Frequência Partida Chegada Nº voo Equipamento
06 Out. 1 2 3 4 5 6 7 06:40 07:00 UX 1147 Embraer 145
06 Out. 03 Dez. 1 2 3 4 5 – – 10:20 10:40 UX 1145 Embraer 145
04 Dez. – – – 4 – – – 10:20 10:40 UX 1145 Embraer 195
05 Dez. 1 2 3 – 5 – – 10:20 10:40 UX 1145 Embraer 145
06 Out. 03 Dez. 1 2 3 4 5 6 7 14:40 15:00 UX 1143 Embraer 145
04 Dez. – – – 4 – – 7 14:40 15:00 UX 1143 Embraer 195
05 Dez. 1 2 3 – 5 6 – 14:40 15:00 UX 1143 Embraer 145
06 Out. 1 2 3 4 5 – – 18:20 18:40 UX 1141 Embraer 145

_________________________________________________________________

1-Segunda-feira    2-Terça-feira    3-Quarta-feira    4-Quinta-feira    5-Sexta-feira    6-Sábado    7- Domingo

As horas são locais

Continuar a ler Air Europa entra na rota de Madrid em Outubro

Ryanair abre Estrasburgo e volta a reduzir Madrid e Barcelona

A low-cost irlandesa Ryanair avançou ontem 2 noticias relativamente à sua operação no Francisco Sá Carneiro.

A primeira é a de que vai regressar a Estrasburgo com 2 novas ligações, uma das quais o Porto. O arranque da nova rota está marcado para 2 de Abril e contará com 2 frequencias semanais. Estrasburgo é a 12ª rota da Ryanair a unir directamente o nosso Aeroporto com França, o principal emissor turístico do Norte de Portugal e residência de algumas das maiores comunidades portuguesas no estrangeiro.A ligação complementará a oferta da transportadora na região, nomeadamente a operação entre Porto e o Aeroporto de Karlsruhe Baden-Baden, situado a apenas 75km do de Estrasburgo.

A segunda é que a partir de finais de Março vai reduzir o número de frequencias nas rotas de Madrid e Barcelona, não tendo no entanto quantificado essa redução. À semelhança do que aconteceu na presente temporada de Inverno (W12), em que cortou nestas duas rotas 5 e 3 frequencias semanais respectivamente, a Ryanair culpa exclusivamente o aumento das taxas aeroportuárias nos aeroportos de “nuestros hermanos”.

Operação da Ryanair no Porto, com 5 aviões baseados. Foto tirada por Carlos Seabra

Porto – Estrasburgo

De A Frequência Partida Chegada Nº voo Equipamento
26 Mar. 26 Mar. – 2 – – – – – 14:50 18:30 FR 6128 Boeing 738
30 Mar. 30 Mar. – – – – – 6 – 08:30 11:10 FR 6128 Boeing 738
02 Abr. – – – – – 2 – – – – – 15:10 18:50 FR 6128 Boeing 738
06 Abr. – – – – – – – – – 6 – 14:45 18:25 FR 6128 Boeing 738
01 Ago. 29 Ago. – – – 4 – – – 16:40 20:20 FR 6129 Boeing 738

Estrasburgo – Porto

De A Frequência Partida Chegada Nº voo Equipamento
26 Mar. 26 Mar. – 2 – – – – – 18:55 20:45 FR 6129 Boeing 738
30 Mar. 30 Mar. – – – – – 6 – 12:35 14:25 FR 6129 Boeing 738
02 Abr. – – – – – 2 – – – – – 19:15 21:05 FR 6129 Boeing 738
06 Abr. – – – – – – – – – 6 – 18:50 20:40 FR 6129 Boeing 738
01 Ago. 29 Ago. – – – 4 – – – 20:45 22:35 FR 6129 Boeing 738

_________________________________________________________________

1-Segunda-feira    2-Terça-feira    3-Quarta-feira    4-Quinta-feira    5-Sexta-feira    6-Sábado    7- Domingo

As horas são locais

Air Nostrum suspende 6 voos semanais entre Outubro e Fevereiro

A Air Nostrum, que opera no Porto ao serviço da Iberia, vai suspender entre 27 de Outubro e 28 de Fevereiro 6 voos semanais na ligação com o hub de Madrid

A decisão vem no segmento dos resultados da companhia espanhola, mais concretamente ao nível dos destinos finais dos passageiros desta rota. Apesar da excelente localização geográfica para captar o tráfego Porto – Europa, a Iberia não está a conseguir ser competitiva neste mercado e vem perdendo passageiros a favor de outras, como a Lufthansa. Conjugado com um aumento do volume de passageiros para mercados intercontinentais, o resultado é que os principais destinos finais encontram-se agora fora da Europa, e as alterações na operação reflectem isto: suspendem-se os IB 8726 / 8727, que servem principalmente destinos europeus, e reforça-se com 1 frequência semanal os IB8720 / 8723, que servem principalmente destinos intercontinentais.

A Air Nostrum transportou até 31 de Julho 59.819 passageiros, menos 18.966 / -24,1% do que em igual período do ano passado.

Este ano os CRK substituiram os CR9 como o equipamento standard da Air Nostrum em OPO. Foto tirada por Karl K.

Porto – Madrid (Air Nostrum)

Nº voo Frequência Partida Chegada Equipamento
IB 8721
Diário 08:35 10:45 Bombardier CRK
IB 87271 Diário 12:15 14:25 Bombardier CRK
IB 8723 Diário 17:35 19:45 Bombardier CRK

Madrid – Porto (Air Nostrum)

Nº voo Frequência Partida Chegada Equipamento
IB 8720 Diário 08:00 08:05 Bombardier CRK
IB 87261 Diário 11:35 11:40 Bombardier CRK
IB 8722
Diário 17:00 17:05 Bombardier CRK

_________________________________________________________________

1-Segunda-feira    2-Terça-feira    3-Quarta-feira    4-Quinta-feira    5-Sexta-feira    6-Sábado    7- Domingo

1 : Suspenso de 27 de Outubro a 28 de Fevereiro

As horas são locais

Ryanair reduz risco e aposta em mercados mais sólidos

A Ryanair prepara-se para reduzir a sua capacidade nas rotas espanholas e italianas que opera no Francisco Sá Carneiro durante a próxima temporada de inverno (W12).

O mercado mais afectado será o espanhol, com menos 4.000 lugares semanais (-28%). Das 4 rotas para Espanha que a Ryanair operou na temporada de inverno 2011 (W11), 3 vão sofrer cortes de frequencias e 1 não será operada. Quase metade desta fatia corresponde à ligação com a capital espanhola, Madrid, que perde 5 frequencias semanais, seguindo-se Barcelona com menos 3 e Valência com menos 1. A rota de Tenerife (Sul), à semelhança do que aconteceu no ano passado com a de Las Palmas, não será operada durante a próxima temporada.

A low-cost irlandesa responsabiliza as subidas das taxas nos aeroportos da rede AENA, principalmente em Madrid e Barcelona, e o desacordo com o Governo Canário, no caso da ligação com Tenerife, pelos cortes nas rotas com o país vizinho. No entanto, e embora estes argumentos também tenham contribuido, a degradação das condições macroeconómicas, o desempenho destas ligações no passado e a previsível quebra de receitas foram fundamentais na hora de decidir os cortes. Estas condições também se verificam no mercado italiano e estão na base dos cortes no mesmo.

Dois Boeing da Ryanair em Charleroi. Foto tirada por Radu Dobrescu

No caso do Porto, é notória a intenção de transferir a capacidade atribuída aos mercados espanhol e italiano para outros mais sólidos como o francês e o alemão, que por contarem com uma maior proporção de tráfego emissor e de negócios, ambos em crescimento, resistem muito bem aos efeitos da crise. Por isso mesmo, a Ryanair prevê continuar a operar a recém-inaugurada ligação com Dole, voltar a operar Bremen no inverno e reforçar rotas como Tours e Bruxelas (Charleroi).

Air Nostrum corta frequencias para Madrid

A Air Nostrum, filial regional da Ibéria, cancelou 1 das 4 frequencias diárias (voos IB8726 / IB8727) na sua ligação entre o Porto e o hub de Madrid, passando agora a realizar 20 frequencias semanais. A degradação dos resultados operacionais fruto da queda da ocupação média e do aumento dos custos operativos terão sido os principais factores para esta decisão.

Pela natureza da ligação, mais importante do que falar em ponto-a-ponto, convém falar nos destinos servidos com escala em Barajas: Amesterdão, Nova Iorque (JFK), juntamente com Casablanca, Dakar, Havana, ManchesterMilão (Linate) e Munique são algumas das mais de 40 ligações afectadas.

Em baixo seguem-se os horários actualmente em vigor:

Porto – Madrid

Nº voo Frequência Partida Chegada Equipamento
IB 8721 Diário 08:35 10:45 Bombardier CRK
IB 8723 Diário 16:30 18:40 Bombardier CRK
IB 8725 1 2 3 4 5 6 – 20:00 22:10 Bombardier CRK

Madrid – Porto

Nº voo Frequência Partida Chegada Equipamento
IB 8720 – 2 3 4 5 6 7 08:00 08:05 Bombardier CRK
IB 8722 Diário 15:35 15:40 Bombardier CRK
IB 8724 Diário 19:25 19:30 Bombardier CRK

___________________________________________________________________

1- Domingo   2-Segunda-feira   3-Terça-feira   4-Quarta-feira   5-Quinta-feira   6-Sexta-feira   7-Sábado

As horas são locais

Os CRK que a Air Nostrum opera no Porto são dos aviões regionais mais modernos do mundo. Foto tirada por Norber

É expectável que esta redução continue na próxima temporada de verão (S12), principalmente depois da Air Nostrum ter anunciado que vai deixar no chão 15 aviões durante este período, o que equivale a uma redução de 9,2% de capacidade, medida em ASK (Available seat kilometre).