Dublin regressa

A Ryanair volta a operar a partir de hoje a ligação directa entre o Porto e Dublin até 28 de Outubro.

A companhia irlandesa opera a ligação duas vezes por semana, com um Boeing 737-800 da base de Dublin e com capacidade para 189 passageiros, às terças e sextas com os seguintes horários:

3ª                                                                                                           6ª

FR 7072 – Dublin 7:15 – Porto 9:55                        FR 7072 – Dublin 17:30 – Porto 20:10

FR 7073 – Porto 10:20 – Dublin 13:00                    FR 7073 – Porto 20:35 – Dublin 23:15

Durante o ano passado a ligação foi responsável por cerca de 17.400 passageiros.

Aeroporto do Porto atinge 1 milhão de passageiros

Durante o dia de ontem, o aeroporto do Porto atingiu o passageiro 1 milhão durante o ano de 2011. Assim, é possível verificar que durante este mês (até ontem) passaram pelo AFSC 229.817 passageiros. Assim, e por estarmos a meio do mês, é possível prever um número entre os 455.000 e os 460.000 passageiros em Março, o que corresponde a um crescimento entre os 20% e os 21% e a mais 75.000 a 80.000 passageiros, o que seria o crescimento mais acentuado do ano, tanto em termos de percentagem, como de passageiros.

Para se ter uma noção do crescimento que o aeroporto está a sofrer, o primeiro mês de 2010 em que estes valores foram atingidos foi Junho, com 459.240, mais 21,1% do que no mesmo período de 2009. Assim, a confirmarem-se estes valores, continua o objectivo de este ano se poder tocar um novo recorde de passageiros na ordem dos 6 milhões de passageiros, completando assim uma das metas estabelecidas no plano director.


Estatisticas de Fevereiro 2011

 

Durante o mês de Fevereiro o AFSC processou 362.149 passageiros, um aumento de 47.616 passageiros, ou seja, +15,1% em relação ao ano passado. Realizaram-se 4.219 movimentos, o que representa um aumento de 220 movimentos correspondente a +11,2%. Estes dados constituem mais um recorde mensal, que também já tinha acontecido em Janeiro deste ano.

No acumulado dos dois meses deste ano passaram pelo aeroporto do Porto 768.683 passageiros, sendo que a barreira do 1 milhão de passageiros deve ser ultrapassada já durante este mês, com o início da temporada de Verão IATA no dia 27 de Março, e consequente aumento de frequências, abertura de 2 novas rotas e o regresso das 5 sazonais.

As companhias regulares que cresceram foram a Ryanair (+48,6%), a Aigle Azur (+29,6%), a EasyJet (+13,1%), a SATA (+9,3%), a Lufthansa (+8,9%), a Brussels (+6,4%) e a Luxair (+4,3%). As que registaram perdas foram a Air Berlim (-56,1%), a Air Nostrum (-9,1%), a TAP (-6,1%) e a Transavia France (-5,3%).

Os mercados que registaram um maior crescimento foram Itália (+67,7%), Espanha (+35,4%) e Holanda (+21,3%)

 

Nas rotas europeias houve um aumento de 15,5% para 348.521 passageiros, representando 96,2% do total de tráfego do aeroporto. No acumulado de 2011, as rotas Europeias representaram 736.304 passageiros, um aumento de 16,9% em relação a 2010 e representaram 95,6% do tráfego total.

Destaque pela positiva:

Barcelona (BCN), que com 20.726 passageiros cresceu 250%, muito devido à introdução das 2 novas frequencias diárias da Ryanair ao que se somam as 3 frequencias diárias da TAP. No acumulado do ano, a linha de Barcelona moveu 42.154 passageiros, um crescimento de 250%, tornando-se o 5º destino mais procurado tanto em Fevereiro, como no acumulado de 2011.
Faro (FAO), a segunda rota para Portugal continental, somou 4.229 e um crescimento de 38,1%. No acumulado deste ano, 8.755 fizeram o percurso entre o norte e o sul de Portugal, levando a um aumento de 31,1% em relação a 2010. A linha de Faro é neste momento operada em exclusividade pela Ryanair com 4 frequencias semanais, passando a 11 voos semanais a partir de 27 de Março, altura em que se inicia o Verão IATA.

Londres Gatwick (LGW) transportou 16.660 passageiros e cresceu 35,5% este mês. Para isto contribuiu um aumento nas ocupações da TAP e da EasyJet, bem como a abertura de 5 frequencias semanais da Ryanair. Durante este mês, a linha OPO-LGW vai sofrer alterações, com o abandono da Ryanair (que passa a operar apenas os 2 diários a Stansted (STN)), com o aumento de 7 para 12 frequencias semanais da EasyJet e com o regresso do segundo voo diário da TAP, que durante o Verão deixa de operar Londres Heathrow (LHR) em favor de Gatwick. Nos dois primeiros meses do ano, passaram pelo AFSC 33.590 passageiros de e para LGW, um aumento de 42,3%. LGW é neste momento o aeroporto preferido para as deslocações de e para Londres, e a 8º rota em número de passageiros.

Genebra (GVA) continua em alta e transportou 25.171 durante o mês passado, um aumento de 27,1%. Uma das principais rotas da saudade, moveu durante 2011 55.266, mais 28,7% e continua a ser a principal ligação entre o Porto e a Suiça. Genebra é servida pela EasyJet com 2 frequências diárias (por vezes opera uma terceira frequência diária) e pela TAP, também com 2 voos diários.

Milão Malpensa (MXP), ainda a sofrer o efeito da entrada da EasyJet (inaugurou a linha OPO-MXP a 11 de Fevereiro de 2010) transportou 6.620 entre as duas cidades, o que corresponde a um crescimento de 20,7%. No acumulado do ano, 14.504 utilizaram este percurso, um aumento de 60,3% em relação ao período homologo de 2010. Os operadores desta rota são a TAP com 2 voos diários, e a EasyJet com 5 frequencias semanais. No caso da EasyJet, haverá uma alteração nos horários, com as partidas do Porto a passarem das 10:25 para as 20:10 as Segundas, Quartas, Sextas e Domingos, e para as 9:55 aos Sábados.

 

As duas rotas africanas inauguradas em finais do ano passado, Marrakesh e Casablanca, foram responsáveis por 3.011 passageiros no mês de Fevereiro e 7.173 no acumulado de 2011. Das duas rotas, Marrakesh foi a mais procurada, com  2.639 passageiros em Fevereiro, 6.435 desde Janeiro. Esta ligação é operada pela Ryanair 3 vezes por semana. Por sua vez, a ligação com a maior cidade marroquina movimentou 372 passageiros no mês passado e 738 passageiros no acumulado do ano. A linha de Casablanca é efectuada pela Royal Air Maroc duas vezes por semana.

 

Das duas rotas regulares que operam no Porto, nota muito positiva para Toronto e negativa para Newark. Toronto, com 1644 passageiros (1325 regulares + 319 não regulares) cresceu 42% e contribuiu para o crescimento de 9,3% da SATA, apesar da queda da sua principal rota, PDL (-9,3%). A ligação entre a capital financeira do Canadá e o Porto realiza-se uma vez por semana pela companhia açoriana e com charters ocasionais. Newark por outro lado, caiu para 1820 passageiros, menos 62%, sofrendo as consequências da descida do tráfego de ligação (-21,5%) e da concorrência cada vez mais forte de companhias como a Iberia e a Lufthansa, que apresentam preços muito mais tentadores via MAD e FRA respectivamente. Esperemos que a linha de Newark volte aos níveis do ano passado, com ocupações quase sempre acima dos 90% e que ajudariam a um aumento de frequencias. Esta rota é operada pela TAP 2 vezes por semana.

 

No sector da carga, houve uma queda de -11,5%, impulsionado pelos voos de carga ocasionais, tendo sido transportadas 2.704,9 toneladas, -351,7 toneladas do que em igual período do ano passado. No acumulado de 2011, foram transportadas 5.515,2 toneladas de carga, que corresponde a menos -6,8% e a -403,6 toneladas do que em 2010.

Sunwing Airline vai operar a rota Porto – Toronto no Verão

A Sunwing anunciou a introdução de novas rotas para a Europa à partida de Toronto, entre elas o Porto. Os voos realizam-se entre 21 de Junho e 6 de Setembro, uma vez por semana, e vão contar com a concorrência da  canadiana Air Transat e da portuguesa SATA, que opera a rota regularmente todo o ano. A pensar nisto e no facto de que grande parte destes voos é preenchida por emigrantes portugueses no Canadá, a Sunwing disponibiliza 50kg de bagagem gratuitamente.

Os voos serão operados com aviões Boeing 767-300, com os seguintes horários:

WG216 – Toronto 21:20 – 09:35 Porto

WG217 – Porto 11:35 – 14:40 Toronto

Toronto foi durante o ano passado o principal destino charter desde o aeroporto Francisco Sá Carneiro com 19.260 passageiros e um crescimento de 21,5%

Transavia quer mais de 20% da quota de mercado da linha do Funchal

Numa entrevista ao Jornal da Madeira, Hélène Abraham, vice-presidente da Transavia France, disse pretender que a sua empresa consiga obter mais de 20% da quota de mercado na rota Porto-Funchal no próximo ano fiscal, contando para isso com as duas novas frequencias semanais. Falou também sobre a escolha do aeroporto Francisco Sá Carneiro para o inicio das operações em Portugal (a rota Paris (Orly)-Porto foi a primeira da empresa francesa), em possíveis novidades e numa futura operação para os Açores.

Um avião Boeing 737-800 ao aterrar no AFSC procedente do Funchal. É com aviões como este que a Transvia opera as rotas desde o Porto. Foto tirada por Carlos Seabra (4/7/2010)

Destacam-se as seguintes partes da entrevista:

Jornal da Madeira – A vossa entrada em Portugal foi através do Aeroporto Sá Carneiro. Porque fizeram essa opção?
Hélène Abraham – Somos uma transportadora de lazer. A comunidade portuguesa em França é grande e provém do norte do país. Em 2007, quando inaugurámos a linha, a única companhia aérea que estava a operar como low-cost era a Ryanair – e só uma vez por dia.
Nós achámos que podia haver lugar para uma companhia francesa. Nós somos uma “low-cost” com tarifa baixa mas atenciosa. Por exemplo, os passageiros têm lugar marcado, o que não obriga a uma correria para encontrar um assento no avião.
A tripulação é simpática e, apesar de nem todos falarem português, temos vários elementos que o conseguem. As informações gravadas também surgem em português. (…)

JM – A Transavia poderá apresentar mais novidades?
HA – Saberão esta semana. Eu trabalho numa empresa que é muito inovadora e, portanto, nós não desvendamos tudo ao mesmo tempo. Temos várias notícias e elas surgirão este Verão.

A entrevista integral pode ser lida aqui

Transavia aumenta frequencias

A companhia aérea Transavia.com anunciou na BTL (Bolsa de turismo de Lisboa) o aumento em duas frequencias semanais às terças e sextas na sua rota Porto-Funchal a partir de 11 de Abril, passando a haver voos diários excepto aos Sábados, e serão operados com aviões Boeing 737-800. O voo Porto-Funchal sai as 14h30, chegando ao Funchal às 16h25. No sentido inverso, sai do Funchal as 17h05, chegando ao Porto às 19h00. Os voos encontram-se à venda até 29 de Outubro e supõe 116 frequencias adicionais (58 em cada sentido) e mais 21576 lugares. Tendo em conta a ocupação média de 70% que a rota obteve nos primeiros nove meses de actividade, podemos esperar um aumento de passageiros na ordem dos 15 000.

Por outro lado, anunciou também o aumento de 3 frequencias semanais na rota Porto-Paris (Orly), passando para 2x dia, e o regresso da sazonal Porto-Nantes, com 2 frequencias semanais as segundas e sextas até ao fim de Outubro.

Estes aumentos vem contribuir para que este ano o Aeroporto Francisco Sá Carneiro consiga chegar aos 6 milhões de passageiros, batendo assim um novo recorde no número de passageiros.