Análise: Resgate da TAP

O resgate dos contribuintes à TAP parece praticamente inevitável. Os números envolvidos não estão ainda definidos, mas todas as estimativas apontam para valores na casa dos milhares de milhão de euros.

Os argumentos a favor desse resgate, repetidos até à exaustão, são já conhecidos por todos nós: assegurar a continuidade territorial e às comunidades portuguesas no estrangeiro, garantir ligações privilegiadas aos países de Língua Portuguesa, mitigar a posição geográfica do país através de maior acessibilidade aérea e promover o turismo. Vamos olhar para estes argumentos um a um, entender se a TAP tem cumprido esses desígnios, se o resgate é realmente uma opção estratégica e se o Estado deve exigir contrapartidas pelo dinheiro dos contribuintes.

Nota: Todos os dados são referentes a 2019, a não ser que especificado em contrário.

Tempo estimado de leitura: 25 minutos

Continuar a ler Análise: Resgate da TAP