Ryanair lança Berlim e Hamburgo já em Outubro

bar_FR

A Ryanair anunciou que o lançamento de duas novas rotas diretas entre o Porto e a Alemanha, concretamente para as cidades de Berlim e Hamburgo. Trata-se de duas das rotas europeias com maior potencial do aeroporto, e já há muitos anos trabalhadas pela ANA, no entanto o timing deste anuncio parece não deixar grandes dúvidas de que se trata de um movimento de antecipação à rival easyJet.

A rota de Berlim (Schonefeld) terá 4 frequências semanais, com horários ideais para city breaks em ambos os lados da ligação, operando-se às Segundas, Quartas, Sextas-feiras e Domingos. Inicia-se a 26 de Outubro, e será a mais longa rota europeia do AFSC: cerca de 2100km e 3h15 de voo.

A rota de Hamburgo terá 3 frequências semanais, operando-se às Terças, Quintas e Sábados, estando o inicio marcado para o dia 28 de Outubro. Recorde-se que a Ryanair já voou entre o Porto e o vizinho aeroporto de Lubeck durante 1 ano, tendo cancelado a rota em Março deste ano.

Com estas duas rotas, sobe para 27 o número de destinos oferecidos pela low-cost irlandesa durante a próxima temporada de inverno, dos quais 8 encontram-se na Alemanha. Em 2013, aproximadamente 400.000 passageiros viajaram com a Ryanair entre o Porto e a Alemanha, enquanto mais de 45.000 viajaram com escala entre o Porto e as duas maiores cidades alemãs.

FR_B738_EI-DHM
Boeing 738 da Ryanair. Foto tirada por Sebastian Elijasz

Porto - Berlim (Schonefeld)

De A Frequência Partida Chegada Nº voo Equipamento
26 Out. - - - - - 1 - 3 - 5 - 7 15:30 19:45 FR 2945 Boeing 738

Berlim (Schonefeld) - Porto

De A Frequência Partida Chegada Nº voo Equipamento
26 Out. - - - - - 1 - 3 - 5 - 7 20:10 22:25 FR 2946 Boeing 738

___________________________

Porto - Hamburgo

De A Frequência Partida Chegada Nº voo Equipamento
28 Out. - - - - -
- 2 - 4 - 6 - 15:30 19:35 FR 9204 Boeing 738

Hamburgo - Porto

De A Frequência Partida Chegada Nº voo Equipamento
28 Out. - - - - -
- 2 - 4 - 6 - 20:00 22:05 FR 9205 Boeing 738

_________________________________________________________________

1-Segunda-feira    2-Terça-feira    3-Quarta-feira    4-Quinta-feira    5-Sexta-feira    6-Sábado    7- Domingo

As horas são locais

15 comentários em “Ryanair lança Berlim e Hamburgo já em Outubro”

    1. Isso é mau estar a baixo de 87% ? Quanto e que os aviões tem de ter de ocupação para ser economicamente vantajoso?
      Não será por ser ao inicio que esta rota esta assim com menos afluencia?Hamburgo é uma cidade grande,quando vir que tem ligações e com alguma publicidade muito provavelmente reage melhor

    2. Depende dos preços Serv. Até pode levar só um passageiro. Se o dito pagar 1 milhão de euros pelo bilhete…

      E estar abaixo dos 87% não é necessariamente mau. Depende de quão abaixo está.

    3. Vou contribuir para essa taxa de ocupação em Dezembro. É curioso que de Hamburgo a Ryanair voa apenas para Porto e Lisboa, acho que isso por si só será capaz de atrair alguns turistas que normalmente não considerariam estes destinos.

    4. É que se estiver abaixo dos 87% não consigo calcular a ocupação. Por exemplo o voo que vem amanhã de HAM tem 95% de ocupação, e portanto posso calcular.

      Miguelito, por outro lado tendo menos rotas tem uma presença menor. Provavelmente muita gente não saberá que a Ryanair voa para HAM e pensa que só vão para Lubeck.

    5. Eu acho que teve muito destaque na imprensa local, o Google News está cheio de notícias. Curiosamente quando comprei o meu bilhete vi que na confirmação diz apenas HAM, em vez de Hamburgo (HAM), que é para não haver dúvidas quanto ao aeroporto lol

  1. Amanhã inicia-se Berlim, com números muito interessantes para as próximas 2 semanas. Para os voos inaugurais, visto agora mesmo no site da Ryanair:
    FR2945 OPO-SXF: 91%
    FR2946 SXF-OPO: 96%

  2. Isto é uma resposta à Easyjet, mas se a Easy lançar OPO-LUX isso vai doer muito à OPO-HHN da Ryanair. Uma rota histórica em Hahn, onde a Ryanair tem vindo a somar cortes. No passado inverno só 2 rotas eram diárias em Hahn, Porto e Stansted.

    1. Sim, também acho que é possível, pode é haver alguns cortes, nomeadamente na rentabilidade. Mas é certo que também há muitos alemães e portugueses com destino à Alemanha a usar essa rota.

    1. Parece-me possivel, até porque a programação de inverno deles estava fechada, mas como no inverno tem margem pode não acontecer. Vamos ver.

Os comentários estão fechados.