Verão IATA 2020 (S20)

Rota S19 S20 Lugares Δ%
A3_S ATH 2-3xw 2-4xw +10.000 +40%
+1xw +10.000 +40%
ZI_L ORY1 0-12xw -60.000 -100%
-7xw -60.000 -100%
AC_S YYZ1 3-4xw 3-4xw +5.000 +15%
+5.000 +15%
UX_L MAD1 24-26xw 27-28xw +10.000 +5%
+1xw +10.000 +5%
af_s CDG1 7-14xw 7-14xw +10.000 +10%
+10.000 +10%
TS_S YUL 1-3xw 1-3xw +5.000 +20%
+5.000 +10%
AD_L VCP 0-3xw 3xw +20.000 +60%
+20.000 +60%
BA_S LGW1 6xw 9-10xw +45.000 +70%
+5xw +45.000 +70%
OK_L PRG 0-3xw -5.000 -100%
-5.000 -100%
U2_S AGP1 2-4xw 3xw -5.000 -15%
BOD1 0-3xw 4-5xw +30.000 +130%
CDG1 10-16xw 11-16xw +15.000 +10%
GVA1 28xw 28-29xw +10.000 +5%
LGW1 10-12xw 11xw +10.000 +5%
LYS1 11-12xw 11-13xw +15.000 +10%
MPL 3xw +30.000
+5xw +105.000 +8%
EK_L DXB 0-4xw 4xw +30.000 +75%
+30.000 +75%
AY_L HEL 0-2xw 0-2xw +10.000 +200%
+10.000 +200%
OE_L STR1 2xw +20.000
VIE1 4xw +45.000
6xw +65.000
VK_L VIE 2xw -25.000 -100%
-2xw -25.000 -100%
LH_S MUC1 7xw 8-10xw +15.000 +25%
+1xw +15.000 +5%
AT_S CMN 5-7xw 6-7xw +10.000 +20%
+1xw +10.000 +20%
FR_S AGP1 3xw +35.000
BRE 3xw 2xw -10.000 -30%
BUD1 2xw +25.000
BRU1 7-9xw 7xw -20.000 -20%
BVA 18xw 16xw -25.000 -10%
CGN 5-6xw 6xw +5.000 +5%
EDI 2xw 3xw +10.000 +50%
GNB 2xw +25.000
LIS1 6-10xw -95.000 -100%
LPA 1xw -10.000 -100%
MAN1 3xw 4xw +10.000 +35%
MRS 8xw 7xw -10.000 -15%
NAP 2xw -25.000 -100%
PMI 4-5xw 4-5xw +5.000 +5%
RAK 2-3xw 3xw +5.000 +15%
STN 19xw 21xw +25.000 +10%
SVQ 3xw 4xw +15.000 +35%
TLS1 0-3xw 3xw +30.000 +275%
-5xw -5.000
LX_S ZRH1 9-12xw 9-13xw +10.000 +10%
+10.000 +5%
TP_S BCN1 14xw -120.000 -100%
BRU1 0-14xw 7xw +10.000 +25%
EWR1 2-6xw 6-7xw +15.000 +30%
FNC1 14xw 19-20xw +60.000 +50%
GIG 2xw 2-3xw +10.000 +30%
GRU 2-3xw 4xw +25.000 +55%
GVA1 13-14xw 11-14xw -5.000 -5%
LCY 6xw -40.000 -100%
LIS1 93xw 100xw
MAD1 14-21xw 28-42xw +50.000 +50%
MUC1 0-7xw 7xw +45.000 +270%
MXP1 14xw 7xw -60.000 -50%
ZRH1 14xw 10-14xw +25.000 +30%
+32xw +15.000
TK_S IST 7-10xw 10xw +15.000 +20%
+15.000 +20%
UA_S EWR1 0-7xw 7xw +10.000 +20%
+10.000 +20%
VY_S BCN1 18-20xw 20xw +15.000 +5%
BIO1 0-3xw 3xw +10.000 +45%
CDG1 3xw 5xw +25.000 +80%
+2xw +50.000 +15%
W6_S KTW 2xw -20.000 -100%
LTN1 0-3xw 3xw +20.000 +75%
VIE1 2xw +30.000
WRO 2xw -20.000 -100%
-2xw +10.000 +10%
-0 -4 +38xw +345.000 +4%

_________________________________________________________________

Dados GDS 15 Janeiro 2019                     Comparação relativamente a S19

1: Rota também operada por outra(s) companhia(s)

A tabela apenas reflete as alterações às operações das companhias

Mudanças de capacidade com pouca expressão podem não ser consideradas. Valores absolutos arredondados a múltiplos de 5.000. Percentagens arredondadas a múltiplos de 5%, excepto para o total do aeroporto.

278 comentários em “Verão IATA 2020 (S20)”

  1. Atualização
    16/01/2020

    TAP – Luxemburgo

    Maio e Junho: 6xw – não há voo às terças
    Outubro: 5xw – não há voo às terças e quintas

  2. Pedro, vi que andaste a mexer na tabela
    – Sobre a Ttansavia, não encontraste redução?
    – Como se justifica o aumento para YUL?
    – Mesmo com tanta redução ainda conseguimos atingir os 4% de crescimento?

    Penso que te faltou os 42xw de novo para MAD pela TAP !

    Bom trabalho!

    1. Obrigado GOC, tinha atualizado o aumento de capacidade para MAD mas realmente tinha-me esquecido das frequências, obrigado! De resto:
      – Da Transavia vejo tudo praticamente na mesma, mais voo menos voo. Onde é que viste a redução?
      – O aumento para YUL vem por um ligeiro aumento no nº de voos e pela passagem do 3º semanal de A321 para A332;
      – Há muita redução mas também há muito crescimento, o saldo dá 4% nesta altura. Espero que com o que falta da TAP e alguma outra coisa que possa cair à medida que a coordenação confirma slots se consiga chegar pelo menos a 5%.

    2. Sobre a transavia também vejo tudo +/- na mesma
      Existe realmente umas semanas com menos voos mas parece-me ser uma redução residual

  3. A United anunciou hoje que deixa de oferecer acesso a lounges que não façam parte da rede Star Alliance a passageiros com status Star Alliance Gold. No Porto, como o lounge é operado pela ANA, só passageiros a viajar em executiva terão acesso. Em em Newark continua a ser possível aceder aos United Club com cartão, embora o acesso ao Polaris lounge se mantenha apenas para passageiros em executiva:
    https://www.united.com/en/us/fly/travel/airport/united-club-and-lounges/locations.html

    Por outro lado a RAM confirmou que a partir de 1 de Abril ficará completo o processo de integração na oneworld, uma boa noticia quem viaja frequentemente com companhias da oneworld.

    1. A ver se é desta que a coisa avança. Curioso que agora tem 1 ATR a fazer 4 saltos a Madrid, e tem um 2º ATR a fazer apenas 2, um pela manhã outro pela tarde. Imagino que ficará de reserva durante o resto do dia em caso de atrasos, e/ou eventualmente para fazer o novo diário para Lisboa.

      Hoje estiveram a mexer em Genebra e em Zurique. Em ambas há um corte nas frequências durante alguns períodos da temporada, embora nada de muito grave. No caso de Genebra há uma ligeira redução de capacidade, mas para Zurique há aumento por substituição dos Embraer por A319s. Também há pequenas alterações de horários, que no caso de Zurique permitem agora que o 1º diário conecte com os voos para o Brasil.

      Neste momento, excluindo Lisboa, apenas o 2º diário para Gatwick e Amesterdão estão programados com Embraer. Imagino que ou veremos outras rotas passar de Airbus a Embraer, ou veremos os Embraer substituídos também para LGW e AMS.

    1. É o que está carregado sim, mas pelo que anunciaram deveria haver um voo diário adicional até chegar a 100xw. Vamos ver.

    1. Carregaram sim, inclusivamente haviam alguns dias no inicio da temporada sem voo e que agora já tem. Seria muito bom se conseguissem chegar aos 14 semanais brevemente.

    2. E assim fica Lyon bem melhor servida! 🙂 Excelentes notícias!! Depois da nossa querida companhia aérea, pública e de bandeira, ter feito a asneira que fez com Lyon….
      Obrigado Easyjet!

    3. Para lá do amadorismo que foi Lyon com a TAP, sejamos honestos, este aumento sendo bom, é muito pequeno e pouco modifica a capacidade da rota (uns 5% de aumento global em S20…).

      Aumento forte estão a ter agora no Inverno, curiosamente anunciado depois de saberem que a TAP ia “entrar” na rota. Puxando o filme mais atrás, lembrar que até a Transavia entrar também, a easyJet não tinha sequer voo diário.

    1. Bom dia. Não creio serem 4 semanais no Verão. Há semanas no Inverno que terá, mas a partir de 30 de Março até Outubro apenas há 3 semanais, Segundas, Sextas e Domingos!

    2. Aparece à venda na app, mas no site ainda aparece como bloqueado. Uma excelente noticia, mais uma prova da necessidade que era (e é) densificar a rede para Espanha.

    1. Praga foi cancelada por causa da questão dos MAX, que continua sem resolução à vista, portanto este ano ainda não deve regressar.

  4. Vejo muitos comentários destes dias, espero conseguir responder à maioria durante estes dias. Entretanto comecei a fazer uma revisão mais completa da tabela, incluindo alguns ajustes mais pequenos que foram passando despercebidos. Desta vez foram revistos:
    – Air Canada: Maior período de tempo com 4 semanais;
    – Air France: Com o carregamento dos reforços de Verão, já foi possível calcular o impacto da introdução dos A321 durante toda a temporada;
    – Azul: Ligeiro aumento por força da introdução dos A339 na frequência de 3ªf;
    – BA: Ajustado com 8 semanais durante Julho/Agosto;
    – Czech Airlines: Subtraem-se os poucos voos que ainda operaram no ano passado;
    – Level: Não deve regressar;
    – Lufthansa: Aumento para 11 semanais pelo menos até Maio;
    – RAM: Aumento por subida da frequência mínima para 6 semanais;
    – Ryanair: Ajustada a operação de Bruxelas com -2 frequências semanais.

    Falta actualizar Swiss, Transavia, Vueling, Wizz, finalizar as alterações na TAP neste momento e actualizar o total da temporada.

  5. A AF começou hoje a mexer na programação, mas para já apenas carregou o bi-diário nos meses de julho e agosto (tal como no ano passado).
    Aguardemos pelos próximos episódios…

    1. Também a LH para MUC, aparentemente serão 10xw (bi-diário às segundas, quartas e sextas)
      Para já só carregaram desde o início da temporada até 25 de maio

    2. Boa noticia, parece que lá conseguiram ter o 8º semanal a temporada inteira. Esperemos que consigam os slots para o 9º e 10º também, mas este ano está apertado.

  6. Atualização 08JAN20

    Swiss

    Carregada uma 13ª frequência para Zurique entre 01JUL20 e 23AGO20.

    Pedro, Genevra variou entre 6 e 8 frequências semanais em S2019, não recordo se em Setembro passou para as 6 novamente.É que a partir de Setembro 2020 estão carregadas 7 frequências semanais.

  7. Atualização 07/01/2020

    TAP – Madrid

    Durante o dia de hoje andaram a mexer (muito) na programação…

    Assim, no final do dia temos: 28xw | 4xd

    TP1001 MAD 06h05-06h45 OPO
    TP1008 OPO 07h30-10h00 MAD

    TP1005 MAD 10h40-11h20 OPO
    TP1004 OPO 12h05-14h35 MAD

    TP1007 MAD 15h15-15h55 OPO
    TP1010 OPO 16h45-19h15 MAD

    TP1011 MAD 19h55-20h35 OPO
    TP1006 OPO 21h15-23h45 MAD

    Durante toda a temporada

    1. Caríssimos, eu não estou assim tão preocupada e explico porquê:
      Procura existe sempre, e cada vez mais vemos isso na oferta das ditas “companhias tradicionais” ou “companhias de bandeira” que, de acordo com os gráficos do Pedro para W19 têm empurrado as LCC para baixo ano após ano. Na minha prespetiva, S18 e S19 foram anos excelentes. Em apenas dois anos chegaram companhias mais sonantes como a Air Canada, a United, a Azul e a Emirates. Se quiserem, menos sonantes, a Aegean, a Finnair e a Volotea.
      Como é evidente existiram perdas, como a de Tel Aviv (embora tenham continuado os voos fretados) e Praga.
      Mas nunca tivemos um período tão significativo…
      O problema este ano, na minha opinião, são fatores externos que não permitem um crescimento maior, ou se quisermos, um crescimento em linha com S18 e S19 (as obras no taxiway).
      Tudo isto para dizer que não vejo neste ano um tempestade anunciada… E mesmo que seja, como o povo diz, depois da tempestade vem a bonança (e em S21 veremos certamente essa bonança). 🙂

    1. Não encontro razão para tal decisão!
      Viajei regularmente o ano passado no voo da tarde e as ocupações sempre foram extremamente positivas na ida e principalmente na volta.
      Com todas estas mexidas penso existir aparelhos disponíveis para outras rotações…
      Novas ligações seria positivo, mas sem tirar estas que são também elas fundamentais na operação do Porto.
      Voltamos, portanto, a ficar sem voo noturno BRU-OPO (sem ser pela Ryanair) bem como MXP-OPO…
      Cheira-me que Rui Moreira não irá gostar muito… Como também vários dos fornecedores do norte do país no que toca à impossibilidade de voar a partir do norte de Itália, principal local de exportação, à noite….

    2. Com estes cortes há blocos horários disponíveis ou está tudo organizado e não existe espaço entre rotações !?

    1. A não ser que seja para ligação ao continente americano não vejo qualquer fundamento sólido nesta decisão que considero de trágica!

    2. Querida TAP – Take Another Plane or flight from/throught Lisbon, the only place we care in this centralist country!

  8. Mais um acerto, desta vez pela Brithis Airways …
    Cada vez mais receio que o bi-diário da AF (para CDG) e da LH (para MUC) não se concretizem…
    Já para não falar das entradas da El AL, da Norwegian e da TACV :/

    1. Slots, slots e mais slots…
      Está mesmo tudo cheio!
      Também a Azores Airlines mexeu na programação para a Terceira. Em S20 o único voo semanal passa a ser operado às sextas-feiras.
      Penso que também existe uma redução na operação da Transavia para ORY, tendo em conta os dados da tabela em S19.
      Pedro, acho que já podemos contar com as saídas da LEVEL para VIE e da Wizz para KTW e WRO

    2. Francisco, primeiro passaram de 6 voos por semana que vinham do ano passado para 10 voos (vamos ter três dias com 2 voos/dia)
      Mais recentemente atualizaram a programação e reduziram para 9 voos por semana apenas nos meses de julho e agosto

    3. Obrigado pela resposta. Sim, mas isso so representam 16 a 18 voos a menos no total do verao. Nao e muito significativo. Claro que aquele voo extra a sexta dava jeito.

    1. A Ryanair ainda não tem voos carregados para Tenerife Sul e Gran Canaria. Nos outros anos começavam normalmente antes da Páscoa. Ainda poderão vir a ser disponibilizados?

    2. MM, a Ryanair tem carregado Tenerife, a partir de 29 de Março, voo aos Domingos. Gran canária, deve cair, como Lisboa, Nápoles, etc etc

    1. Luís, ou muito me engano ou a AF terá bi-diário ao longo de toda a temporada.

      Num perfil completamente oposto, receio, porém, que nem Katowice e Wroclaw regressem pela Wizz…

    2. Sim MSA, eu e o Pedro também já conversarmos acerca da possível queda de KTW e WRO.

      Pelo que parece também a Azul já não vai aumentar os voos. Digo isto pois esta semana mexeu nos horários e passou o voo de sábados para domingos a partir de 7 de Junho.
      O motivo creio ser o atraso das obras, logo falta de slots!
      Até pode ser que venham a conseguir slots!

      Em relação ao bi-diário da Air France também concordo, só espero que seja nightstop no Porto.

    3. O que poderá estar a condicionar esse carregamento da AF, a par com o bi-diário para MUC pela LH são mesmos os slots diponíveis. Esta questão das obras está a começar a formar uma “bola de neve” que poderá vir a condicionar o crescimento real do aeroporto..

      Sobre ou assunto, tal como já foi aqui falado, também VIE deve cair com a LEVEL.

      A Wizz carregou 2 frequências extra no mês de junho para BUD. Esperar para ver se, com a entrada da Ryanair, reforçam a rota.

    4. O skiespassion a trazer mais uma novidade no sapatinho. Bom sinal que estejam já a aumentar, a easyJet também já tem previsto aumento para CDG portanto só está a faltar a AF.

      MSA, em principio nem KTW nem WRO regressam, nem VIE da Level. Seria bom que reforçassem WAW, mas sabemos que gostam de manter as frequências no mínimo. Vamos ver como reagem agora à entrada da Ryanair para Budapeste e se lhes dá um empurrão para um 3º semanal.

      Filipe, Luanda com A321LR seria uma rota relativamente óbvia para a TAP, mas o que é óbvio muitas vezes passa-lhes ao lado.

    1. Maravilha. Mais um destino direto do Porto.
      Já temos 100?
      Obrigado FR. Vês no Porto o que outros não vêem….

    2. Tem ar de ser uma rota sazonal… nem sabia que Grenoble tinha aeroporto! Visto a sua localização e as rotas propostas, deve ser uma destinação de esqui

    3. Por ser um destino de ski é que se calhar se aguentaria todo o ano e não só no Verão como agora foi anunciado…
      Mas com 2/semana será sobretudo para emigrantes não?

    4. Não me parece que haja emigração que justifique nessa região, além de que Grenoble fica a 1h do aeroporto de Lyon e Lyon está bem mais servido em ligações ao Porto!

    1. Nada que não se soubesse, antes voavam para Vigo e para a Corunha, agora vão voar só para Santiago. Esperemos que funcione melhor desta vez.

      Mais relevante que isso, já começaram a mexer na programação a partir do Porto também. A partir de meados de Junho já está disponível o anunciado diário para Newark, mas também um não anunciado 3º semanal para o Rio de Janeiro. Carregando o 4º semanal para São Paulo, teremos finalmente a TAP a voar diariamente do Porto para os EUA e para o Brasil.

    2. Vamos lá ver o que vão mexer no Porto então, finalmente metem à venda diário NYC, o 4º semanal para S. Paulo e mais um por semana para o Rio (deve estar para cair algum Santo….).
      Mas esperar para ver, para Lyon as vendas também já iam avançadas … ahahh
      E o que se espera da rota europeia? Ponte aérea para Madrid? Avança? Não? Abrir rotas como Faro, Roma ou Barcelona, para ponto a ponto e alimentar os Internacionais do Porto? Não?

      Quanto à rota de Santiago de Compostela, realmente não aquece nem arrefece muito, será feita em ATR também….. devia ser o avião que ia fazer Porto-Madrid 6 x por dia…

    3. Diogo, o 4º semanal para São Paulo ainda não está à venda, só foi anunciado há uns meses tal como o 3º diário para o Funchal e o reforço de Madrid. De resto veremos, o 3º semanal para o Rio não estava anunciado, portanto podem haver mais surpresas, embora me pareça que a Barcelona não voltarão tão cedo.

      Sobre alimentar o longo curso, com a procura que se tem visto nos voos para Newark, São Paulo (GRU e VCP) e Rio não há necessidade de aumentar o feed significativamente, e mesmo que fosse, a prioridade deveria ser reforçar os destinos existentes. Acho que a estratégia vai por aí. Funchal e Madrid são destinos que com os reforços anunciados, não só passam a permitir ligações excelentes ao longo curso e entre si, como permitem pensar em novos fluxos para a Europa, onde também há muito por fazer só em novas frequências.

    4. Como bem refere, aliás habitual no Pedro, os voos para Nova york e para o Brasil não necessitam de feed pois são mantidos a nível mínimo apenas para não perderem ainda mais clientes que se estivessem atentos teriam:
      Mais qualidade
      Melhor preço
      Mais pontualidade
      Se a sua opção fosse vis Hubs que temos disponíveis
      E não via como pretendem via Lx.
      Tudo serve para alimentar Lx
      Apenas como ex, sendo certo que uma andorinha não faz a primavera, uns clientes da empresa aonde colaboro, tinham voo de Lyon para o Porto.
      Os inteligentes da TAL deram o golpe.
      O serviço foi execrável pelo aprenderam a utilizar as low cost
      Ainda bem

    5. Em justiça estamos longe dos tempos do serviço mínimo. Nova Iorque com dois voos diários (1 TAP e 1 United) em temporada alta já fica bem servida nesta altura, e o Brasil, assim a Azul consiga escalar VCP a diário, também ficará com uma operação sólida (1 diário TAP e 1 diário Azul). Para crescer mais do que isso, aí sim, fará falta uma operação de feed mais musculada e principalmente acordos de JV para o Atlântico Norte e Atlântico Sul.

      De resto, como vou dizendo sempre, Lisboa é uma opção mais para ligações, mas não é nem de longe uma opção maioritária. Esses tempos já passaram há muito. E embora o serviço da TAP seja muitas vezes questionável, a verdade é que o produto voo direto continua a conseguir exercer preços superiores às opções em ligação, por algo será.

    6. Como sempre excelente esclarecimento Pedro.
      Como bem se recordará, há bem pouco tempo referiu que antes de reforçar Rio de Janeiro existiriam outros destinos no Brasil a implementar.
      Ou seja, na minha modesta opinião, é apenas uma tentativa para que outras companhias não entrem na rota. Por ex a LATAM.
      Registei com muito agrado que acredita que a Azul passe a diário para S. Paulo. Sim seria excelente pese o acordo com a TAL.

    7. Admito que fiquei surpreendido por ver um reforço do Rio, precisamente porque é o espaço no Brasil onde eles podem estar mais descansados. Se eles não voarem a rota, nenhuma companhia brasileira vai ocupar o espaço: a a LATAM abandonou o longo curso a partir do Rio, a Azul não faz longo curso a partir do Rio e a Gol não tem aviões capazes. Mas fico satisfeito por estar enganado neste caso.

      O acordo da Azul com a TAP é uma das bases para a Azul ter escolhido o Porto como seu 2º destino europeu. Sem isso provavelmente esses voos estariam em Londres ou Paris. E espero que assim a parceria esteja concretizada possamos ver Recife também com equipamento narrowbody.

  9. a Easyjet apresentou ontem 25 novas rotas, mas Portugal não foi contemplado, pelo menos por agora.
    Sem as obras do taxiway prontas, o crescimento de 2020, vai ser residual.
    As grandes cadeias de hoteis, que continuam a investir no Porto e Norte de Portugal, não o fazem sem terem a certeza que o turismo vai aumentar, com o consequente aumento do Sá Carneiro.
    Estamos, mal(bem) habituados, mas sem drama, de certeza que ainda vamos ter algumas boas novidades, e de certeza que 2021, vai ser muito bom!

    1. É a tal coisa, não podemos comparar crescimentos de dois dígitos quando o aeroporto tinha metade do tráfego com crescimentos de um digito nesta altura. O crescimento que se apresenta para 2020, em valor absoluto, está em linha com o que noutros anos classificaríamos como excelente. Não consigo entender o pessimismo.

    1. Claro… Pode haver uma ou outra surpresa de última hora, mas 2020 vai ser mau….
      Não sei se crescemos 5%, vai ser um ano de consolidação e pouco crescimento 🙁

    2. Não estamos assim tão longe disso. Na minha projecção, com alguns ajustes que não estão na tabela mais a programação que a TAP anunciou mas ainda não carregou, tenho um valor próximo a +500.000 para S20. Está melhor do que estava à espera sinceramente.

      Diogo, deve andar por aí sim, provavelmente um bocado mais. A diferença é que 5% numa base de 13 milhões são quase 700.000 passageiros. Com menos de 8% chegamos aos 14 milhões. Não é exactamente uma catástrofe, principalmente tendo em conta a situação do taxiway.

  10. Boas…

    Não sei se já aqui foi referido mas a Finnair ira iniciar a época bem mais cedo, os voos começarão a 13 de abril de 2020, estendendo-se até ao dia 19 de outubro. Serão voos bissemanais, realizados com equipamento Airbus A319. Nas últimas duas semanas haverá apenas um voo semanal. No total serão 53 voos contra os 16 realizados no Verão de 2019.

    1. Já tínhamos discutido sim, e já está na tabela também. Hoje sai um artigo na PressTur a falar da rota, e menciona que o split de origem de passageiros foi 77% Finlândia, 15% Portugal e 8% Outros. Não me surpreende a percentagem de passageiros com origem na Finlândia, mas surpreende-se que com só 2 frequências tenham conseguido 8% de outras origens. Claramente há espaço para crescer.

      http://www.presstur.com/empresas—negocios/aviacao/finnair-preve-ocupacao-acima-de-90–nos-voos-helsinquia-porto-em-2020/

    1. Muito bem.
      Podemos tb referir a Delta a operar para Boston. Dependendo dos horários mais uma potencial alternativa para ligações.

    2. Mas que análise de slots incrível!
      Confesso que nunca tinha visto nenhuma do género e achei realmente bastante completa, objetiva e clara!

    3. Luís, relativamente aos voos da Delta, os mesmos partem de LGW às 11h e chegam às 08h45 (diários)
      Ligação OPO-LGW-BOS com a Brithis e a Delta não me parece possível. Já no sentido inverso só se consegue as ligações com os voos da tarde.
      Contudo, dentro do grupo IAG a opção OPO-MAD-BOS e vice-versa é também bastante adequada e c/ tempo de ligação mais reduzido.

      Sobre a TUI Airways, não sei até que ponto estes voos não sejam operados pela Norwegian, tal como acontece nos voos de Faro (vendidos pela TUI e operados pela Norwegian).

    4. MSA
      De acordo.
      Sou comodista e não fui ver horários.
      Tb é verdade que quando não tenho ligações diretas vou logo procurar em hubs, nomeadamente Madrid, como bem referiu.

    5. Sinceramente não imagino o Porto a encaixar no modelo da TUI a partir de Londres, nem me parece que fosse benéfico para o Porto a entrada de mais um operador para Londres.

      Falando em slots, foram anunciados os resultados da alocação dos slots da Aigle em Orly e os resultados não são animadores. Mais de metade dos slots foram alocados a novos operadores em Orly, com voos para RU, Alemanha e Leste da Europa, e dos que já estavam presentes, a Air Caraibes, Corsair e a La Compagnie ficaram com mais 2/3 dessa pool. O que sobrou, e pode eventualmente servir para o Porto, foram 2 diários para a Transavia e 1 semanal para a TAP. Por outro lado, uma boa oportunidade para a AF crescer tranquila a partir de CDG.

      Luis, a Delta não tem parceiro em Gatwick que distribua passageiros. Para isso é já tem Paris e Amesterdão, em parceria com a AF e a KLM. A Delta não trabalha com a BA.

  11. Atualização 04 Dezembro 2019

    easyjet

    Tem à venda uma 29ª frequência semanal (5 voos à terça) para Genebra entre 23 Junho e 25 Agosto.
    10 voos, oferta extra de 3720 lugares (ida + volta)!
    Pedro, sendo um pequeno aumento pontual e não atingindo os 5000 lugares, fica ao menos a informação!

    1. Por acaso dá para passar ligeiramente os 5.000 lugares porque há mais voos programados em A320 com 186 passageiros. Genebra parece ter estabilizado ali na casa dos 700.000 passageiros/ano, mas é bom ver que alguma outra coisa ainda vai dando para acrescentar.

  12. Update 03/12
    Air Europa – MAD

    28xw durantes os meses de abril e maio
    Redução habitual na época baixa
    27xw nos últimos meses da temporada

    1. Só a TAP é que não se apercebeu do potencial da rota …
      Espero que a não concretizada ponte-aérea não trave o crescimento da TAP para Madrid para S20

    2. Quanto mais depressa a TAL sair da rota melhor. Felizmente já não vai demorar muito.
      Vão descobrir que a província não quer os ventoinhas. Vai dar prejuízo e reforçam LX.

    3. Apesar de tudo a TAP tem crescido bastante na rota de Madrid, este inverno é que reduz com a história da Ponte Aérea que não se sabe como vai acabar. Mas sem esse aumento de frequências, ter 1 ATR no Porto para apenas 3 voos por dia parece-me pouco eficiente, imagino que nesse cenário faria mais sentido recuperar os Embraer.

    4. Os ATR são uma vergonha. Ninguém gosta deles, são ruidosos, lentos e nem os próprios pilotos gostam de os operar…
      Enfim, já não se usam!
      Não se percebe, não dá competitividade contra uma Air Europa ou Iberia a jato, e muito menos contra uma Ryanair no Ponto a Ponto….

    5. Eu continuo a não entender o drama dos ATRs, a Air Europa teve-os (versões mais velhas até) durante bastante tempo na rota de Madrid e não por isso deixou de crescer. Madrid ainda por cima tem imensas opções, portanto ninguém está limitado por eles.

    6. Na minha opinião, a TAP perde mais em não vender a classe executiva nos voos para Madrid (desde o Porto, claro) do que o voo ser efectuado em ATR!
      Este tipo de passageiro deve “fugir” certamente para a Iberia ou Air Europa!

    7. A questão é que muita gente que compra voos da TAP para Madrid, nem sequer sabe que sabe que vai voar nos ATR ………

    8. Sim, principalmente as executivas em ligação. Nas ligações em Madrid a companhias parceiras, esse passageiro provavelmente acabará por ir via Bruxelas – Zurique – Munique – etc e pode ainda deixar o seu dinheiro à TAP, no caso das ligações via Porto o mais provável era acabarem via Lisboa de qualquer forma, visto os preços e tempos de ligação serem mais competitivos. No Porto, só com 8 semanais para o Brasil e com os LR para Newark não estamos particularmente necessitados de ligações na frente.

  13. Atualização 03 Dezembro 2019

    British Airways

    Carregado no Amadeus os 10 voos semanais toda época verão.
    Aumento em 4 voos semanais.
    Segundas, quintas e sextas com 2 voos e também voo aos sábados.
    Todos os voos continuam a ser operados desde Gatwick.

    1. De acordo com o artigo elaborado pelo Pedro, a questão dos slots são uma das entraves principais à não abertura de Heathrow…
      Contudo, o reforço em Gatwick expressa um claro crescimento na procura, não só no ponto a ponto mas também em ligação via LGW.
      É curioso o facto dos horários serem semelhantes aos anunciados outrora pela Aer Lingus mas que não chegaram a entrar em serviço.
      Concluindo, é uma aposta necessária que tem tudo para correr bem e crescer ainda mais!

    2. Excelente
      Convém notar que Gatwick já potência excelentes ligações. Claro que temos de ver os horários

    3. Excelente, fazia falta o esse segundo diário. Melhora muito a posição competitiva da BA na componente ponto-a-ponto da rota, e potência ligações nos dois sentidos. Em Gatwick as possibilidades não são extraordinárias, mas ainda tem alguns interessantes como Nova Iorque, Toronto, Las Vegas, Orlando, Lima ou Caraíbas.

      Melhor só se fosse todos os dias, ou se os voos fossem para Heathrow.

    4. 4xw para LHR não me parece que faça sentido, ou tem espaço para 7xw ou não me parece que iniciem a rota…

    5. Atualização 03/01/2020

      Apenas 9xw na época alta (meses de julho e agosto)
      Cai o 2º diário das sextas-feiras

  14. obrigado Pedro pelo acolhimento e pelos comentários as minhas sugestões
    sabe qual o ponto da situação em relação as obras em curso (corredor apoio a pista)
    realmente lamentável / surreal
    cump.

    1. Excelente. O ano passado foi somente entre meados de Junho a meados de Agosto. Deve ter corrido muito bem 🙂

    2. Confesso que esperava ver pelo menos uma 3ª frequência durante o Verão, ainda assim é o triplo do que tivemos em S19, portanto é uma boa noticia.

  15. Ao nível de companhias aéreas comerciais e fazendo uma análise por companhia, quantos aviões temos a “dormir” no AFSC em S19 e W19 ?

  16. boa noite a todos
    sempre foi a minha paixão a aviação,o nosso aeroporto a nossa região
    sempre defendi com garra e orgulho todos os temas ligados a esta paixão
    por isso,já a algum tempo sigo este blog que aproveito para para me congratolar com o mesmo e assim gostaria dentro do possível colaborar e comentar aquilo que acho pertinente
    neste blog enalteço a qualidade e informação sempre atualizada em relação ao nosso aeroporto.
    a minha primeira pergunta(sugestão) é saber se através deste blog, poderíamos ser mais ativos,por exemplos em relação as forças vivas da n/região e defendermos fazendo ver a importância de termos um aeroporto ainda mais relevante.
    outro exemplo, chamar a TAP de TAL está muito bem visto,mas não resolve nada (até penso que eles gozam connoso), o que era preciso no meu entender era questionar
    os Drs. da própria TAP para que haja transparência e assumam publicamente
    porque é que os outros aeroportos Portugueses têm este tratamento de despreso
    os grndes acionistas da TAP dão realmente uma imagem triste
    por hoje fico por aqui para não “chatear” muito
    parabéns pelo trabalho deste grupo, somos poucos mas bons
    cumprimentos

    1. Obrigado Nando, e bem-vindo! Sobre a questão do lobby, não sei como poderíamos fazer isso. Neste momento há alguma atenção sobre o blog como fonte informação sobre o aeroporto, mas para lá disso o alcance é limitado.

  17. Peter, MSA, Sky bem como os mais informados
    Será de esperar algo nas rotas de Toronto e tb Montreal na sequência da aquisição da AirTransat pela Air Canadá?
    É verdade que a aquisição será efetiva apenas ao longo de 2020
    Só espero que não seja em redução, sendo certo que os voos pelo menos para Toronto poderiam ser optimizados.

    1. Não sei se para o próximo Verão já vamos ter novidades, o mais provável será para 2021. Há definitivamente um potencial muito interessante com a consolidação das operações da Air Canada e da Air Transat, não espero grandes mudanças no nº de lugares total mas acredito que possamos ver um salto qualitativo a nível de frequências e de produto.

      O cenário ideal, na minha opinião, seria passar Montreal para a Air Canada com B737MAX (assim estejam habilitados novamente) entre 3 e 5 semanais, e deixar Toronto com a Air Transat a operar 8 a 10 semanais com A321LR. A longo prazo deveria ser capaz de ter Toronto bi-diário e Montreal diário.

  18. Bom dia,

    Vejo na tabela acima mencionada o voo da Ryanair para LPA para o Verão 2020, mas ainda nao é possível comprar no site da companhia aérea. É normal??

    Obrigado pela ajuda,

    Tiago

  19. “A EasyJet espera começar a voar com uma nova aeronave em Portugal em 2020, prevendo também contratar mais trabalhadores, anunciou esta terça-feira à imprensa José Lopes, diretor geral da EasyJet em Portugal”

    https://expresso.pt/economia/2019-11-19-EasyJet-cresce-9-em-Portugal-onde-espera-ter-mais-uma-aviao-a-voar-em-2020

    Acham que há possibilidades de ser no Porto?? Faro parece ser de momento o unico aeroporto que tem slots disponiveis para um novo avião, mas quem sabe..

    1. A 19 Setembro o Pedro escreveu que existem alguns dias com 4 aviões a sair à1a hora!

      Eu pude confirmar, logo diria que sim será para o Porto.

      Não duvido que novas rotas/destinos irão aparecer.
      Quem sabe se será desta que alguém entra em Roma?! Milão ou até mesmo Berlim, como já alguém salientou em tempos!?
      Ou simplesmente aumentos em rotas existentes.
      Li algures que haveria anúncios de novas rotas da easyjet no início de Dezembro.

    2. Pelo que está carregado seria para o Porto realmente, o problema realmente são os slots. Esperemos que dê para encaixar e vejamos um novo avião em Abril.

    1. Tendo em conta o reduzido nº de slots disponíveis para o Porto, creio que a entrada da TAP para FCO em S20 …

    2. Muito interessante esse Ponta Delgada – Boston, pena que enviem o A321LR a partir de Lisboa e não do Porto. Por outro lado, ter duas companhias estatais a competir numa rota intercontinental é, no mínimo, caricato.

      Esperemos que carreguem a programação final brevemente.

      Diogo, a TAP cancelou várias rotas/frequências a partir de Lisboa, portanto tem margem de slots.

    1. No fundo sempre jogou, ainda hoje nenhum aeroporto galego chega perto dos números de passageiros internacionais que o AFSC tinha há 20 anos. Eles é que sempre venderam internamente que era a mesma coisa.

  20. Atualização 12 Novembro 2019

    Aegean Airlines

    30 Junho a 25 Setembro carregado 4ª frequência semanal.

    01 Abril a 04 Junho 2 frequências semanais (qua/sab)
    06 Junho a 28 Junho 3 frequências semanais (qua/sex/sab)
    30 Junho a 25 Setembro 4 frequências semanais (seg/qua/sex/sab)
    01 Outubro a 18 Outubro 2 frequências semanais (qua/sab)
    22 Outubro, quinta último voo.

    Os horários mantêm os mesmo de 2019

    A3724 A320 ATH 21:30 23:40 OPO
    A3725 A320 OPO 00:30 06:15 ATH

    Nota: Não esquecer que as partidas de OPO serão dia seguinte!

    1. Pré carregado no Amadeus 2 voos semanais entre 28 Outubro e 07 Novembro (Inverno 2020/21).

      A3724 A320 ATH 12:40 14:55 OPO __3____ 28OCT20/04NOV20
      A3725 A320 OPO 15:50 22:00 ATH __3____ 28OCT20/04NOV20

      A3724 A320 ATH 11:40 13:55 OPO _____6_ 31OCT20/07NOV20
      A3725 A320 OPO 14:50 21:00 ATH _____6_ 31OCT20/07NOV20

      Atrevo-me a dizer que a sazonalidade desta rota possa ter acabado!

    1. Duas dúvidas:

      O que leva a Portugália a pedir slots, não só no Porto, mas também em Lisboa e no Funchal?
      Como é que se lê a tabela dos slots? Os allocated e os pending, somados, não deveria dar o Initial Request?

    2. Excelente noticia! Passar 4 semanais de A320 para A321 é o equivalente a +1 A320 semanal.

      João, creio que isso estará relacionado com um anuncio que eles fizeram há pouco tempo que iam usar a PGA mais para mercado charter.

  21. 1ª lista de slots:

    – Novas companhias Laudamotion (já sabido) Norwegian, Tacv, El AL
    – Aumentos noss pedidos de slots: Aegean Finnair, Emirates, Eurowings, british airways, KLM, Air France, Azul, etc, etc, etc
    – No entanto há imensos slots pendentes,

    1. Uma pena o atraso das obras, típico no nosso país, o verão 2020 seria espectacular, assim haven por exemplo do aumentos residuais nas existentes e a confirmação da entrada da Norwegian , já não seria nada mau.

    2. De qualquer forma, sabemos que slots pedidos nem sempre são para utilizar. Obviamente que este ano havendo poucos disponíveis vai ter um efeito em baixa, mas por exemplo a Norwegian já em anos anteriores pediu slots, foram atribuidos, e eles não quiseram usar. Curiosamente agora tem histórico por causa disso, e se for um pedido sério podem ter maior possibilidade de atribuição.

    3. El AL?
      Até que ponto o efeito de Tel Aviv pela TAP pode atrasar esta opção ?
      Foi precisamente esta entrada que levou ao encerramento de Tel Aviv pela El AL a partir do Porto…

    4. Pedro, sempre com base na especulação, quais as tuas apostas de destinos para estas “novas” companhias ?
      O que prevês com o “reforço” da Brithis e da KLM ?
      Para já, lamento o facto da não entrada da Aer Lingus e do Night-Stop Iberia

    5. Achei curioso o pedido de slots da El Al também, embora volte a ser um pedido pequeno. Este ano não tivemos El Al mas tivemos a Neos a fazer alguns charters, portanto o interesse mantém-se. Vamos ver.

      SID, o night-stop (ou outro qualquer) da Iberia neste momento nem é possível porque não há slots nas primeiras 3h. Há alguns reforços lá que realmente estão em linha com o que temos discutido (Azul, Air France, Finnair, Lufthansa, TAP, etc) e que espero que se concretizem. Agora é questão de saber se vão encaixar slots no Porto e no destino.

      PMF, a Level tem slots pedidos à mesma, mas acho que não vão voltar sinceramente.

    6. Das 5 às 6 não há espaço para o night stop da Iberia? Ou ha voos de carga nesse período?
      Não me recordo de ver voos de passageiros sem ser o da KLM…

    7. João às 05 tens o voo da TAP para Lisboa e na época de Verão o da KLM para Amesterdão. De resto entre as 05 e as 06 não há partidas, mas acho q as autorizações para esse horário são muito limitadas.. Não sei se a nível europeu até… Porque no médio oriente por exemplo, existem muito voos a partirem durante a noite…
      Não percebo muito do assunto, não consigo ajudar mais 😉

    8. João, entre as 5h e as 6h seria possível por slots, mas voo diário a ano completo passaria a quota que ainda há disponível dentro do horário de curfew.

      Para referência o NST da Iberia em Lisboa sai entre as 6h30 e as 7h. No Porto os horários são praticamente os mesmos nos outros horários, pelo que seria expectável que neste caso procurassem o mesmo.

    9. Eles pediram um 3º diário da KLM para Amesterdão e um 2º diário da Air France para CDG (mais os reforços de Verão). Duvido que se concretizem os dois, mas acredito no reforço da AF.

    10. Tendo em conta que não acreditas no 3º diário da KL, que no meu entender também não faz muito sentido, no caso da AF prevês 2 diários durante toda a temporada e 3 na época alta ? Se assim fosse, achas que a AF apostaria num Night-Stop como tem em LIS ou ainda não é altura para isso neste momento ?

    11. E tal como o GOC questionou, a partir do pedido, como seria as operações da TAVC e da Norwegian?
      Para a El AL chega para 2xw ?

    12. A AF acho que só avançaria com NST a partir de um 3º – 4º diário, pela forma como está organizada a operação deles em CDG o NST não é tão fundamental.

      A Cabo Verde até agora não tem slots, mas suponho que o pedido sejam 3 semanais para a ilha do Sal, com horários equivalentes aos que eles têm em Lisboa.

      Da Norwegian imagino que seria pelo menos Oslo, mas com tanto slot poderia haver um outro destino (Estocolmo, por exemplo).

      O pedido da EL AL dá para mais que 2 semanais até, mas vamos ver.

    13. Fará sentido pensar na Norwegian para Londres dado o potencial no ponto a ponto e também de ligações la?

      Ou normalmente iniciam pelos países nórdicos?

      Quanto a AF, tudo o que seja mais possibilidades de ligações dentro do Europa é sempre bom. Ainda para mais com a possibilidade de conjugar com a KLM.

    14. Eles em Londres estão mais focados no longo curso agora, visto que vai concentrar alguma da capacidade adicional que a Norwegian está a abandonar em Madrid, Copenhaga, Estocolmo, etc. Para ligações em Gatwick já tem a easyJet a alimentar.

    15. Os da Brussels imagino que sejam para mudança de horário do 2º diário, com a entrada da TAP não precisam de ter os voos assim tão juntos e podem ter um planeamento parecido ao que tem para Lisboa. Os Lufthansa previsivelmente serão para o 2º diário de Munique, que já opera agora no Inverno e era para ter começado em S19.

  22. Pedro:
    Daquilo que não está anunciado o que esperas ver em S20, numa altura em que começam os carregamentos?
    Previsões de entradas e saídas de rotas/companhias, reforços e reduções de frequências…

    1. Os mais previsiveis seriam os reforços que já foram anunciados para W19, mas que ainda não foram carregados para S20 (diário para LGW da BA, 2º diário para MUC da LH) e a programação completa da TAP, anunciada mas ainda não carregada.

      O resto é dificil prever, porque sem o prolongamento do taxiway a disponibilidade horária não só fica limitada como ainda haverão restrições no horário noturno. Estas semanas vai sair a primeira lista de slots e já se vai ver, mas espero que praticamente todos os horários fiquem bloqueados à partida com uma lista de pendentes muito grande.

    2. Luís, creio que o reforço para S. Paulo, pela Azul, advém do antecipar do início da operação a par da utilização dos A330neo

    3. Luís, o reforço da Azul é a introdução de mais voos em A339 e pela operação a temporada inteira como disse a MSA. Mais frequências seria expectavel, mas sem o taxiway a disponibilidade de slots pela manhã fica extremamente limitada, vamos ver.

      MSA, pelo que percebi os slots da Aigle em Orly voltaram à pool geral, portanto vai depender de quem fica com eles e se essas companhias tem interesse em os usar em voos para o Porto. Não havendo esse reforço, imagino que haverá através de CDG. A AF já carregou principalmente A321s para S20, se carregar o 2º diário de reforço já haveria uma subida consideravel.

  23. Embora não diretamente relacionado com S20, foi anunciado por estes dias que tanto Transavia como Volotea passarão a disponibilizar conexões em voos próprios.

    No caso da Transavia, via Paris, as possibilidades de combinações são muito grandes e acredito que finalmente veremos um volume significativo de passageiros em ligação por Orly. Também será possivel fazer ligações via Porto, em cima dos voos corridos que já existem hoje.

    No caso da Volotea não encontrei nenhuma ligação disponivel via Bilbao, mas à medida que eles escalam a operação lá é provavel que apareçam mais para a frente. A solução que eles vão utilizar é a mesma que a easyJet usa para fazer ligações a companhias como a Norwegian, Scoot, West Jet, etc, pelo que poderia ser um passo para finalmente termos ligações Volotea – TAP no Porto.

  24. O O´Leary esteve no Algarve ontem, mas por agora ainda não houve qualquer conferência de imprensa em Portugal acerca do Verão de 2020, alguém tem informações sobre o assunto?

    1. Bom ver que Tenerife volta a ser carregado, tanto aparato só para fechar a base e passar a rota a sazonal. Imagino que o mesmo se vai passar com Hamburgo.

  25. Pedo, esperas alguma coisa da Finnair para esta temporada ?
    Fui acompanhando a temporada passada e cheguei a registar vários voos com 100% de capacidade, mesmo quando utilizados os A320.
    E quanto à LEVEL, pensas que os 2xw irão sair ? Depois da saída de Praga, a coisa até correu bem, o problema é que a concorrência será forte (Espero eu) …

    1. Espero que sim, Helsínquia correu muito bem, chegamos a ter mais passageiros que lugares inicialmente previstos. Há que esperar.

      Da LEVEL ainda não saiu nada deles para Viena, mas não me surpreenderia se saíssem da rota, a Lauda e a Wizz comeram-lhes o espaço.

  26. A Ryanair tem anunciado as programações para o verão nos últimos dias. Já anunciaram os programas do Reino Unido, Irlanda, Polónia, Itália e hoje, Espanha. E está extremamente soft. Poucas novidades. Não espero grande coisa para o Porto.

    1. Sem novos aviões, não há milagres. Para o Porto, nunca serão grandes novidades, visto o facto de as obras teoricamente só estarem prontas daqui a um ano. Nota: Bergamo para o S20, 10x passa para 9x.

    2. Sim, as notícias continuam a ser desastrosas… A continuarmos assim, se calhar nem os 5 / 6%, que projectei para o próximo ano, cresceremos ….

    3. A Ryanair (e não só) em geral está muito conservadora com crescimento de capacidade para 2020, o que temos visto nesses países é a habitual troca de cromos. O estranho seria que o Porto fosse a exceção.

      Mas claro que daí ao apocalipse vai uma distância grande.

    4. Está tudo à espera da crise, não é de estranhar por isso que 2020 seja um ano de consolidação. E se não houver reduções aqui ou ali já será muito bom.

      Por outro lado pode também ajudar as companhias de bandeira a crescerem um pouco mais. Sobretudo no longo curso…

      Além de que não há propriamente espaço para crescer.

    5. O Brexit e o fraco crescimento económico nas principais economias europeias não são alheios a um maior conservadorismo por parte das companhias aéreas.

      Se existe uma constipação da Alemanha, em Portugal temos uma pneumonia!

    6. Para além do referido anteriormente só no último mês faliram mais 3 companhias aéreas XL Airways, Aigle Azur e a Eslovena Adria, somando a tudo isto o colapso do gigante europeu Thomas Cook que também tinha uma companhia aérea própria!

      Os tempos são de alguma incerteza no sector da aviação.

    7. Tudo verdade, mas espaço para crescer no Sa Carneiro nao falta, mesmo sem as obras terminadas, tirando uma ou outra hora….

    8. Exatamente, estamos em final de ciclo, este ano quase todas as grandes companhias europeias tiveram que rever os seus lucros em baixa. Na Ryanair nota-se mais porque eles são muito agressivos a nível de crescimento, mas nas restantes vai-se notar também.

      Em 2020 devemos ver crescimento na Europa ainda assim, mas 2021 provavelmente vai ser um ano difícil. O que temos discutido por aqui no fundo.

    1. Por curiosidade, os voos para Manchester, S20, passam a ser feitos pela base do Porto,ao contrário do S19. Em relação a Edimburgo somente 1 dos 3 será feito da base do Porto.

    2. Excelentes noticias, não me surpreende Manchester porque realmente havia espaço para crescer. Edimburgo, sem a concorrência artificial na Galiza, consolida a operação no Porto, tal como já tinha acontecido com Dublin e espero que aconteça com Bolonha.

  27. Anúncio do calendário Transavia S20

    Creio existir a perda de 1 frequência semanal para NTE conquistada em 2017, passando assim a 6xw
    ORY apresenta alguma irregularidade de frequências. Ainda assim, acho que existe uma pequena redução
    LYS, embora comece logo com 7xw, creio que ainda não está totalmente carregado….

    1. Pelo que está agora haveria redução, mas tem sido assim todos os anos, primeiro carregam uma programação básica e depois acrescentam voos.

    2. Possivelmente um misto das duas. A ANA obviamente não tem interesse em restringir artificialmente a capacidade do aeroporto, por outro lado, não podendo aproveitar Julho e Agosto melhor ter até final de Setembro ou Outubro, que o efeito é o mesmo.

    1. Uma pena, e pior que vamos continuar com restrições no horário noturno durante o pico do ano. Para novos aviões baseados também fica praticamente impossível.

    2. O atraso nas obras é assim tanto que o período de fecho tem que ser o mesmo?!
      Ou será a ANA a jogar na defensiva para não falhar de novo os prazos?

  28. Noutras noticias, ontem à noite a Delta anunciou que iria adquirir uma parte a LATAM, que assim sairá da oneworld. O foco está obviamente as Américas, mas pode ter consequencias na Europa também. Atualemente a operação europeia da LATAM está muito apoiada na Iberia, mas poderíamos ver esse acordo ser substituído por acordos com a Air Europa e por um reforço do que já tem com a Air France – KLM, afetando as operações dessas companhias no Porto e mesmo as perspectivas de voos diretos LATAM.

    1. Excelente noticia! Este ano já tivemos o regresso da Antalya, que era outro dos destinos clássicos naquela zona.

      Punta Cana este Inverno vão fazer a partir de Lisboa com A321LR, podia ser uma excelente oportunidade para dobrar os voos que tradiconalmente são feitos com A333 no Verão e ter partidas do Porto. Mas estando os operadores concentrados em Lisboa, já sabemos que é dificil.

  29. Por estes dias tivemos o World Routes, um dos maiores eventos de networking entre aeroportos e companhias aéreas. No meio, numa das conferências, o diretor de planeamento de rotas da JetBlue mostrou um mapa com as rotas que eles estão a estudar na Europa:

    O Porto aparece logo no alcance dos A321LR, que a JetBlue vai receber em 2021.

    1. Vamos ver o que estará para sair da Ryanair, para o Verão. Em breve estarão nas habituais conferências. Espero que, rapidamente, apostem em rotas para cobrir a perda gigante de passageiros, resultante da descontinuação da rota de Lisboa.

    2. A grande perda de passageiros da Ryanair para Lisboa já estamos a sentir este ano, embora a TAP esteja a conseguir absorver cerca de metade deles. No próximo ano espero que seja ainda mais suave, porque haverá uma substituição quase 1:1 entre lugares perdidos pela Ryanair e lugares novos na TAP.

    1. Excelente noticia! E felizmente sem pisar os horários da easyJet, assim ficamos com 5xw, que é o que a easyJet já devia ter sozinha.

      Vamos ver realmente é como fica Baden-Baden, se fosse uma transferência da operação o normal seria que houvessem mais rotas a transitar, embora no caso do Porto esteja também Estrasburgo logo ao lado.

    2. Faz todo o sentido para substituir Baden-Baden. A Lauda usa Airbus e não vive a incerteza que a Ryanair vive com os 737 MAX. Assim libertam capacidade na Ryanair, ficando mais folgados enquanto a Boeing não resolve de vez o assunto.

    3. A falência da Thomas Cook não poderá deixar no mercado aviões para a Ryanair? Ou na verdade há é receio de investir nesta altura?
      O raciocinio pode ser o mesmo para a Lauda já que também tinham Airbus…

    4. Nem é por aí João Ferreira, é porque a marca Lauda está a ser desenvolvida para ter um reconhecimento que a marca Ryanair não tem conseguido (excepto em Berlim). Para isso, e para conseguir atingir uma base de custos competitiva, precisa de escala, daí que seja normal começarmos a ver voos a passar da Ryanair para a Lauda à medida que vão recebendo aviões. Espero que vejamos um movimento semelhante de Weeze para Düsseldorf brevemente.

      João, a Thomas Cook operava Airbus, e sempre houveram Airbus no mercado. O que eles queriam para a Lauda eram A321neo e B737MAX para a Ryanair. À semelhança do que aconteceu com a Monarch, vão haver novos slots disponiveis em Gatwick e margem noutros aeroportos no RU, mas provavelmente irão para cobrir destinos de sol e praia.

    1. Assim de repente, a manter-se é um retrocesso, mas pode ser que tenha só sido uma resposta ao lançamento da temporada por parte da Easyjet, e ainda surjam algumas novidades, esperemos!!!

    2. Eles estão a carregar a primeira versão, depois vem aquele período onde dão conferências de imprensa em todo o lado para apresentar novidades e depois disso ainda fazem uns ajustes finais. Não há motivo para preocupação.

    3. É provável que NAP desapareça? Primeiro passam a rota a sazonal e agora não programaram nada para o verão. Utilizei várias vezes e os voos iam sempre cheios, apesar de com a politica da Ryanair isso não ter nada que ver com rentabilidade.

    4. Fora os meses mais fortes do Verão, NAP tem estado com níveis de preço baixos para o sector que é, não ficaria surpreendido se cancelarem.

    5. Karlsruhe / Baden-Baden finalmente carregada com as mesmas duas frequências semanais.
      Eu também temi por Memmingen (Munique), pois na altura que “caiu” FKB também “caiu” FMM!
      Se por um lado temi, por outro esperava na entrada da Laudamotion em MUC/OPO!

  30. A Easyjet colocara à venda, amanhã dia 19, voos até 30 de agosto de 2020. Normalmente as novidades costumas ser anunciadas no final do ano, mas nunca se sabe.

    1. Estão mais rápidos que o normal, ou é impressão minha?

      E mesmo que não anunciem novas rotas, dá para ver variações nas frequências nas rotas já existentes.

    2. Parece-me que estão mais ou menos em linha com anos anteriores, devem carregar a programação calcada de S19. No nosso caso, em principio, deve aparecer pelo menos Montpellier e o reforço de Bordéus, que iniciam em W19.

    3. Já estão carregados os voos. Málaga inicia mais cedo e com 3 semanais, Bordeus aumenta por passar a temporada inteira e entra Montpellier.

      Nota-se que a programação ainda estará incompleta. Por exemplo, durante Abril as rotas francesas tem uma série de frequências que não estão carregadas, e que devem aparecer mais tarde. As rotações dos aviões da base, assim à primeira vista, estão incompletas, havendo depois dias com 4 A320 na base.

    1. Está carregada uma programação copia deste Verão, mais para a frente é quando serão feitos ajustes e carregada a programação final.

  31. Não sei se me escapou alguma coisa, mas no site da Ryanair, Alghero aparece como destino do Porto. Sem voos carregados, de qualquer forma.

  32. Não sei se me escapou alguma coisa, mas no site da Ryanair, aparece Alghero como destino do Porto. Não tem qualquer voo carregado.

    1. Ryanair FR5265/52640 (Porto – Cagliari – Porto), de dia 03 Maio por algum motivo operou (programado mesmo) para Alghero!

      Deve ter ficado no sistema por esquecimento.

  33. Alguém faz ideia quando serão lançados os voos OPO-PDL para o Verão 2020?
    Visto que atualmente apenas estão carregados voos até 28 de Março de/para o Porto ao contrário de LIS que já tem o verão carregado.

    1. Não deve estar a demorar muito, mas imagino que este ano estará demorado por causa da questão dos MAX. Ainda estão a mexer na programação para o 1º trimestre de 2020.

  34. Atualização 29 Agosto:

    – Laudamotion carregado e à venda 4 voos semanais.

    – Aegean Airlines também já carregou verão 2020, antecipando em duas semanas o início para 01 de Abril.

    – Royal Air Maroc carregado os 7 voos semanais logo a partir do início da temporada S20 (este verão o voo ás terças começou somente a 9 Julho).

    1. Não haverá ninguém que possa aproveitar a saída da CSA de Praga? Fica ali um buraco muito grande…

    2. Já adicionados os Lauda e os RAM. No caso da Aegean a coisa fica mais ou menos na mesma, e a Level ainda não publicou S20. Da CSA vamos esperar também, ainda é muito cedo.

    3. A Royal Air Maroc recuou e tem o 7º carregado apenas a partir de julho, como S19.
      Vi também algumas frequências carregadas em E190, principalmente em Maio.

    4. Vou ter que rever a RAM, já começa a ser um clássico.

      SID, apesar de haver mais voos, este ano não há nenhum programado com A321 portanto a capacidade é sensivemente a mesma.

    5. Atualização:
      Royal Air Maroc continua a operação que programou para S19. Ou seja, o 7xw apenas acontece de forma temporária na época mais alta

    6. A RAM enviou um comunicado sobre Pequim, que foi divulgada por vários meios, incluindo a CMP. O que fazem sempre, no fundo, não é que se esteja a fazer alguma promoção especial.

  35. Atualização 22 Agosto:
    – United anunciou que vai iniciar os voos para EWR logo no inicio da temporada, o que dá um aumento da operação em cerca de 20%.
    – Wizzair carregou os voos de Viena para S20, mantém 2 frequências semanais: 4ªf e Dom até final de Junho, 2ª e 6ª a partir de Julho (dois dos dias em que a Lauda deve operar também).

    1. Um dado curioso!
      Passamos a ter mais frequências semanais para Madrid do que para Lisboa
      Não obstante, o night-stop da Iberia continua a representar-se como uma falha!

    2. !ERRATA!
      O Amadeus duplicou um fuso horário e eu, por erro, considerei 28xw
      Para já só estão carregados 21xw
      Pedro, por favor, elimina o comentário
      Desde já as minhas desculpas pelo erro cometido!

    1. Saiu a segunda lista de slots. Não vejo grandes novidades em relação à primeira, à primeira vista.

    2. Desta 2ª lista retiro algumas ideias principais:

      – Incremento do reforço da Air France
      – Emirates duplica o pedido
      – El AL duplica o pedido

    3. A Air France já começou as primeiras mexidas na programação
      A321 na maior parte dos voos e todos os voos da temporada passam a ter um único horário: saídas do Porto às 16h20

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.